Policiais prendem casal suspeito de latrocínio de taxista em Vila Bela da Santíssima Trindade


0

O casal suspeito do latrocínio do taxista J.C.R. (44) foi peso na tarde desta terça-feira (12.03), em Vila Bela da Santíssima Trindade (a 521 km de Cuiabá). O crime ocorreu na noite anterior (11.03). A ação contou com a participação de policiais militares e civis.

Os policiais receberam uma denúncia de que um casal com as mesmas características dos criminosos estava pedindo carona na estrada agrícola na Gleba do Quilombo. Os policiais civis foram até o local com um veículo descaracterizado e receberam o pedido de carona dos suspeito, momento em que deram voz de prisão. 

P.C.R. (33) e J.C.R. (19) ainda estavam com manchas de sangue nas roupas e com pertences da vítima, como celular e dinheiro. Os dois foram encaminhados à delegacia da cidade para as devidas providências. O veículo da vítima foi encontrado na mesma região, nas imediações do Rio Alegre.  

O crime

Policiais militares encontraram o taxista esfaqueado, mas ainda consciente. Ele relatou ter pego uma corrida com um casal em Pontes e Lacerda com destino a Vila Bela da Santíssima Trindade. No quilômetro oito os suspeitos anunciaram o assalto. Ele disse que levou 14 facadas e foi abandonado na estrada. O taxista destacou ainda que conseguiu andar por 800 metros e gritar por socorro, até ser encontrado pelos militares que realizaram os primeiros socorros até a chegada da ambulância. Ele foi encaminhado para o Hospital de Pontes e Lacerda, mas morreu no caminho.

Deixe um comentário