Paola Carosella explode com amador: seu prato chama perdido no MasterChef


0
© Divulgação//Divulgação

Fonte: Portal MSN

Segurar as críticas dos jurados MasterChef BrasilPaola Carosella (Arturito e La Guapa Empanadas), Erick Jacquin (Le Bife) e Henrique Fogaça (Sal Gastronomia e Cão Véio) não será tarefa fácil na noite deste domingo (23). As exigências estão cada vez mais duras. Na primeira avaliação da noite, Paola se irrita com um dos competidores e solta essa: “Seu prato chama perdido no MasterChef”. A bronca acontece durante a primeira prova.

As dificuldades vão perturbar os participantes desde o início. Ao entrar na cozinha-estúdio, eles topam com uma caixa gigante, daquelas que sempre amedrontam. Ao ser erguida, o que se verá é uma seleção de oito grãos: ervilha, grão-de-bico, lentilha, soja e os feijões fradinho, rajado, bolinha e branco.

O repescado Helton ao lado de Ana Paula Padrão: escolha do que cada um vai cozinhar

© /Veja SP O repescado Helton ao lado de Ana Paula Padrão: escolha do que cada um vai cozinhar

 

A missão é preparar receitas com um daqueles ingredientes que quase sempre aparecem como acompanhamentos em muitos pratos, em especial aqueles com carne, frango ou peixe. Detalhe particular: todos esses ingredientes de origem animal estão vetados.

Surge ainda um complicador. Repescado no programa anterior, Helton será chamado por Ana Paula Padrão para escolher o que cada um vai cozinhar. Ainda que sem saber, ele acaba dando soja para a Juliana N., que detesta o vegetal.

Paola com Juliana N.: cozinhar soja a contragosto

© /Divulgação  Paola com Juliana N.: cozinhar soja a contragosto

 

Durante a avaliação, não é só Paola que estará afiada. A chef e seus colegas ficam pensativos sobre a postura de um dos participantes, sempre uma incógnita para os jurados. O trio faz então questionamentos como “Você me enlouquece”, “Não sei quem é você. Você vai me falar quem é você?”, “Sua cozinha é tão sutil e você tem uma postura tão dura, tão rígida” e “Parece que você não está aqui com a gente”, entre outras coisas.

Apenas três competidores ganharão o mezanino. Oito irão direto para a eliminação que começa com um prato italiano muito popular no Brasil: a lasanha. A obrigação é fazer todas as etapas, a começar pela massa. Sem se descuidar do tempo, lembrados constantemente por Ana Paula, terão ainda de preparar o molho e o recheio.

Fogaça: ronda na bancada de Janaina

© /Divulgação Fogaça: ronda na bancada de Janaina

 

Como são oito participantes, eles terão de cozinhar em duplas. Mais uma vez, eles não terão livre-arbítrio. Será o ganhador da prova anterior que vai dizer quem vai trabalhar em parceria com quem. No momento em que os jurados fazem o aviso da regra, ou melhor, desse complicador, isso põe todo mundo em pânico. Difícil prever se todos ficarão contentes com o colega escolhido. Muita encrenca e desavenças devem tumultuar o clima entre os concorrentes.

As barreiras dessa etapa não param. Essa será uma prova de revezamento. A cada 10 minutos muda quem está no fogão. Um cozinheiro deixa o posto para que o outro assuma a tarefa, enquanto o colega que assiste fica num canto da bancada dando pitacos. Esse revezamento no fogão é o detonador de uma série de descontroles e atritos.

Jacquin com Helton: competidor resgatado na prova de repescagem

© /Divulgação  Jacquin com Helton: competidor resgatado na prova de repescagem

 

A cozinha-estúdio torna-se um campo de batalha. À medida que a prova avança, os pretendentes ao troféu MasterChef ficam tensos, o que deixa todos totalmente perdidos.

Paola Carosella, ela de novo com suas ótimas histórias, conta uma passagem de sua vida. Ela já teve a experiência de dividir as panelas e cozinhar em dupla com a sua avó. Diz que não foi nada prazeroso, já que a progenitora ficava dando palpites e broncas na neta sem parar.

Jurados com Ana Paula: reclamação contra participante “ausente”

© /Divulgação Jurados com Ana Paula: reclamação contra participante “ausente”

 

Três duplas serão salvas e uma estará na berlinda. Os remanescentes do insucesso da lasanha não serão despachados em conjunto. Ou seja, não haverá uma eliminação simultânea de dois participantes. Se existe alguma prevista pela frente, não se sabe.

Só para eles haverá uma terceira prova, uma espécie de duelo que sempre desestabiliza os concorrentes: elaborar uma sobremesa.

Dessa vez, o doce escolhido é um crepe suzette. Quem se der mal ao fazer essa delicada panqueca flambada com licor de laranja e a fruta vai se juntar ao André, que deixou o programa duas semanas atrás e não conseguiu a vaga na respescagem.

Deixe um comentário