Acusado de matar padrasto com facada em Cuiabá é preso; comparsa também detido


0
Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Fonte: olhar direto

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) prendeu, na última segunda-feira (09), dois homens apontados como autores de um homicídio ocorrido em 2016, em Cuiabá. Um dos suspeitos era enteado da vítima. Os presos foram identificados apenas como R.A.S. e P.A.G..
 
Os suspeitos tiveram os dois mandados de prisão temporária e um de busca e apreensão expedidos pela 12ª Vara Criminal de Cuiabá, com base em investigações da DHPP. O crime ocorreu em julho de 2016, tendo como vítima, Gilberto Gomes Duarte.
 
R.A.S. era enteado da vítima e já cumpriu pena durante cinco anos por outro homicídio na cidade de Alta Araguaia. Desta vez, ele responderá também pela qualificadora de reincidência no crime.
 
Segundo o delegado Olímpio da Cunha Fernandes Júnior, na ocasião, a vítima foi brutalmente golpeada com uma faca e morreu em decorrência do ferimento. O corpo foi supostamente encontrado na cozinha dos fundos do imóvel pelo enteado da vítima, posteriormente identificado como autor do crime.
 
Segundo as investigações da DHPP, a princípio o crime parecia ter ocorrido na cozinha externa do imóvel, pois só lá haveria sangue e outros sinais, porém a perícia técnica comprovou que o local foi modificado na tentativa de atrapalhar as investigações.
 
Posteriormente, com o resultado da perícia, foi possível verificar que também havia sangue dentro da residência dando mais convicção que o enteado foi um dos autores do crime.
 
Além das evidências, os dois identificados foram vistos saindo da cena do crime, logo após o ocorrido. Ouvidos em declarações durante o curso das investigações, os dois suspeitos negaram a participação no crime.

Deixe um comentário