Cruzeiro x Cuiabá: Raposa luta por sobrevida, mas diferença para o Z-4 cai

Time estrelado terá compromisso frente a rival que venceu apenas um dos últimos dez jogos fora de casa na Série B

0
foto: Bruno Haddad /Cruzeiro

O Cruzeiro volta a campo nesta terça-feira (29), quando encara o Cuiabá, no Independência, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Uma partida importante para as pretensões do clube, especialmente em relação ao alvo estabelecido pelo técnico Luiz Felipe Scolari: o de não ser ameaçado pelo Z-4.

As últimas jornadas da Segundona não alteraram a diferença da Raposa para o G-4. A distância se manteve em nove pontos. Porém, a diferença para o grupo dos quatro últimos foi encurtada. A Raposa é hoje a 11ª colocada, com 40 pontos, cinco à frente do Náutico, o primeiro time no Z-4.

Vencer o time do centro-oeste brasileiro nesta terça-feira será essencial para o Cruzeiro atingir os 43 pontos, uma contagem que os matemáticos apontam como ideal para afastar qualquer chance de rebaixamento. Felipão assumiu o Cruzeiro na vice-lanterna da Série B e fez o time subir na tabela, chegando recentemente ao 10º lugar, o melhor posicionamento do time desde as primeiras partidas da competição nacional.

Um dos pontos que podem favorecer o Cruzeiro diante do Cuiabá é que o adversário vem de apenas uma vitória nos últimos 10 jogos fora de casa. Foram ainda sete derrotas e dois empates. A última vitória do Cuiabá longe da Arena Pantanal aconteceu na 29ª rodada. Na ocasião, o Dourado bateu o Oeste por 2 a 0, em Barueri, interior paulista.

Esta será a última partida do Cruzeiro no ano de 2020 e também o último compromisso antes do centenário. Para muitos, o duelo desta terça-feira poderia ser símbolo da volta do Cruzeiro à Série A, mas será um compromisso de vida ou morte para os comandados de Felipão, que procuram se explicar após dois jogos bem abaixo do rendimento.

Fonte: O Tempo 

Deixe um comentário