Homem com deficiência é retirado de forma violenta de ônibus por não usar máscara


0
Reprodução

Imagens gravadas por populares mostram um homem, que seria portador de doença mental, sendo arrastado de dentro de um ônibus intermunicipal da empresa Verde Transportes por não estar usando máscara, na rodoviária de Sinop (447 quilômetros de Cuiabá). Vale lembrar que lei federal isenta pessoas com autismo e deficiências do uso, que é considerado de suma importância para evitar a propagação da Covid-19.

No vídeo, feito por um popular, é possível ver o homem – identificado apenas como Jadilson – sendo arrastado com bastante brutalidade por um homem e um segurança de dentro do ônibus.

Informações preliminares apontam que a vítima é bastante conhecida na cidade e estava indo com sua mãe para Cuiabá, onde ela faria uma cirurgia.

O rapaz entrou no veículo e não queria colocar a máscara. Sendo assim, foi retirado à força de dentro do veículo de transporte.

Como faria a cirurgia, a mãe seguiu viagem e pediu para um tio dele pegá-lo no terminal. Ela só ficou sabendo do ocorrido quando chegou a Cuiabá e viu as imagens.

A Lei Nacional (Nº 14.019/20) tornou obrigatório o uso de máscaras de proteção facial em espaços públicos e privados acessíveis ao público. Porém, pessoas com transtorno do espectro autista ou com qualquer outras deficiências que as impeçam de fazer o uso adequado da máscara de proteção facial estão dispensadas do uso, assim como crianças com menos de três anos.

A reportagem tenta contato com a Verde Transportes.

Fonte: Olhar Direto

Deixe um comentário