Supostamente embriagada, servidora pública é presa após bater em poste


0
Foto: Reprodução

Fonte: Olhar Direto

A professora Marcia Rachel Alves Ferraz, 37 anos, foi detida na madrugada desta quinta-feira (17), no bairro CPA 3, em Cuiabá, após colidir o seu veículo em um poste na Alameda 5. Dentro do veículo (Ford Fiesta), os militares encontraram uma garrafa de cerveja aberta. Foram constatados sinais de alteração da capacidade psicomotora da servidora da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), que recebeu voz de prisão em flagrante.

Segundo consta no boletim de ocorrências, a professora seguia por uma das vias do bairro mencionado, quando perdeu o controle do veículo e colidiu em um poste, causando bastante dano no carro. Quando os policiais chegaram ao local, encontraram a mulher sentada dentro do Ford Fiesta, dispersa e silenciosa.

No assoalho do carro, do lado do motorista, foi encontrada uma garrafa de Heiniken aberta, que ainda possuía um pouco de líquido em seu interior. O objeto foi colocado em uma sacola e entregue para os policiais civis.

Os militares pediram para que a servidora fizesse o teste do bafômetro, mas a professora recusou. Sendo assim, foi feito um auto de constatação de sinais de alterações da capacidade psicomotora, já que ela apresentava sinais de que havia ingerido bebida alcoólica, como: dispersante, vestes desalinhadas, vestígios de bebidas no carro.

O veículo foi entregue a uma pessoa conhecida da professora, que estava no local. Na sequência, foi dada voz de prisão à servidora por dirigir veículo sob influência de álcool. Não foi utilizada algema, pois a suspeita não apresentou risco de fuga ou resistiu à detenção.

Márcia é servidora da Secretaria de Estado de Educação e trabalha como professora.

Deixe um comentário