Criança espancada pelo padrasto morre após duas semanas internada na UTI


0
Foto: Rogério Florentino/Olhar Direto

Fonte: Olhar Direto

Uma criança, identificada como J.R.F., de 2 anos, que foi espancada pelo padrasto, Igor Campos de Almeida, morreu em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no Pronto-Socorro de Cuiabá (PSMC), neste domingo (1). A criança estava sob cuidados médicos desde o último dia 17, quando Igor e sua mãe, de 17 anos, deram entrada no hospital alegando que ele tinha caído e se machucado.

 

Os médicos suspeitaram que a criança tinha sido agredida e constataram que os hematomas na face do lado direito e outras partes do corpo eram resultado de maus tratos. Um médico legista chegou a ser acionado para fazer um exame de corpo de delito que confirmou a suspeita médica.

Igor foi preso no dia 22, cinco dias após as agressões que teriam acontecido quando a mãe do garoto não estava em casa.

Em razão da gravidade, a criança foi encaminhada para a UTI em Várzea Grande. Na última semana, ele foi diagnosticado com morte cerebral, mas de acordo com o Juína News, o familiares ainda tinham esperanças porque o coração da criança ainda batia. Entretanto, neste domingo, a criança não resistiu e morreu, confirma a avó da criança, Fielly Ribeiro.

Igor está no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Juína. O corpo de J.R.F. deverá ser encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de necropsia.

Deixe um comentário