Mulher diz ser “profeta de Deus” e agride vendedor de passagens em rodoviária


0
Foto: Reprodução

Fonte: Olhar Direto

Uma mulher identificada como Rosenete Ribeiro Taques foi presa por agredir e ameaçar um vendedor de passagens, no Terminal Rodoviário de Lucas do Rio Verde (a 330 quilômetros de Cuiabá), na tarde de domingo (28). Vídeo gravado por uma testemunha também mostra a suspeita praticando crime de homofobia contra a vítima e dizendo ser “profeta de Deus”.

Segundo informações da Polícia Militar, Rosenete teria chego na agência procurando por uma passagem. Na ocasião, teria ultrapassado o limite de distância estabelecido como medida de prevenção ao coronavírus. O vendedor teria pedido para que a mulher aguardasse sua vez, quando ela teria começado a quebrar monitores, computadores, entre outras coisas do local.

Conforme o B.O, Rosenete ainda fez várias ameaças ao vendedor de passagens e a equipe policial. “Viadinho não entra no céu, vai direto para o inferno, que odeia viado e que iria matar mesmo”, descreve o documento registrado na Delegacia do Município.

Aos militares, Rosenete ainda teria afirmado ser parente do ex-governador Pedro Taques e que eles iriam pagar com a vida se encostassem nela. Diante da situação, foi necessário fazer uso de algemas. Rosenete foi encaminhada à Delegacia de Polícia para as devidas providências.

Um vídeo mostra parte da confusão. “Por cima de mim, só Deus”, afirma a suspeita, que também tenta agredir o homem que filma.

Deixe um comentário