Atos contra Bolsonaro Fracassam com manifestações em 15 capitais; verde, amarelo e branco predominam


0
Brenno Carvalho/Agência O Globo Manifestação convocada pelo MBL no Rio aconteceu em Copacabana reunindo grupo pequeno

Manifestações convocadas pelo Movimento Brasil Livre (MBL), Vem Pra Rua e Livres ocorrem neste domingo (12), em ao menos 15 capitais brasileiras, em favor do impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). É o primeiro protesto pró-impeachment após os  atos antidemocráticos de 7 de setembro e a divulgação da carta na qual o presidente atribuiu ao “calor do momento” as ameaças feitas contra o Supremo Tribunal Federal (STF) .

No Espírito Santo, a manifestação começou às 9h30 na Praça do Papa, em Vitória. Os manifestantes saíram em carreata até Vila Velha, por volta das 10h20.

Continua após a publicidade

Em Belo Horizonte, o ato contra o presidente Jair Bolsonaro ocorreu na Praça da Liberdade, no centro da capital mineira. Assim como no Rio e em Vitória, as manifestações não tiveram uma grande adesão.

Os protestos deste domingo dividiram a esquerda: PT e PSOL descartaram aderir à manifestação. Por outro lado, o pré-candidato do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, afirmou que irá comparecer em São Paulo e PSB e PCdoB também anunciaram participação, apesar das divergências com o MBL. O movimento se consolidou na mobilização pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e faz críticas frequentes a Lula.

Em Salvador e Manaus, os atos começaram por volta das 8h. Em São Paulo, os manifestantes começaram a se concentrar próximo ao Museu de Arte de São Paulo (Masp) por volta das 11h. O protesto começou por volta das 14h.

(Veja na galeria abaixo fotos dos protestos)

Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo
Foto: Brenno Carvalho/Agência O Globo

 

fonte: Portal IG

Deixe um comentário