Lula deseja manter o empresário no Mapa, o que contraria as expectativas do PT de Mato Grosso: “campanha contra nós”

0
117
Foto: Reprodução
CAMARA VG

O PT nacional vive um impasse com o diretório do partido em Mato Grosso devido a possível participação do empresário Carlos Ernesto Augustin, o Teti, na eleição a prefeito de Rondonópolis.

Segundo o presidente da sigla no estado, deputado Valdir Barranco, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua equipe esperam que Teti permaneça no cargo de assessor especial no Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa).

“O Teti é o nosso sonho. Nós queríamos muito que ele fosse candidato, a gente enfrenta um problema nesse momento, como ele é muito competente, o Lula e os ministros estão muito maravilhados com o trabalho que ele está fazendo e tem feito uma campanha contra nós, para que ele fique em Brasília para rodar o mundo, para que possa trazer recursos que não sejam públicos para dentro do orçamento das políticas públicas, mas nós ainda continuamos defendendo que ele possa ser nosso candidato em Rondonópolis”, ressaltou.

Em Rondonópolis, a esquerda vive um dilema sobre quem deve encabeçar a candidatura a prefeito. Alguns membros da federação Brasil da Esperança (PT, PV, PCdoB) defendem que o grupo encaminhe com o projeto do prefeito Zé Carlos do Pátio (PSB), o presidente do Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear), Paulo José (PSB), outros acreditam que a federação tem condições de ter uma candidatura própria.

 

 

Fonte: Informações/ Olhardireto