A justiça mineira autorizou a transferência de um suspeito de executar dupla no Shopping Popular de Cuiabá

0
60
Foto: Reprodução
ALMT TRANSPARENCIA

O juiz Luis Eusébio Camuci, da Comarca de Uberlândia (MG), autorizou a transferência de Silvio Peixoto Júnior, de 26 anos, para o estado de Mato Grosso. Ele foi preso em Uberlândia, sob a acusação de ter matado Gersino Rosa dos Santos, de 43 anos, o Nenê Game, e Cleyton de Oliveira de Souza Paulino, de 27 anos, no Shopping Popular, em Cuiabá, no mês de novembro. O suspeito teria recebido dez mil reais para cometer o delito.

O pedido foi formulado pelo delegado Nilson Farias, da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que é o responsável pelas investigações. A solicitação foi deferida pela Justiça mineira, que determinou que o apreendimento fosse conduzido ao Núcleo de Inquérito Policial (Nipo) A vara será responsável por selecionar o estabelecimento em que Silvio Peixoto permanecerá recluso.

A decisão, à qual a reportagem do Olhar Direto teve acesso, sustenta que um avião do Centro Integrado de Operações Aéreas do Mato Grosso já está disponível para a Polícia Civil.

“Diante do fato de a aeronave estar disponível para o recambiamento do detento à comarca que emitiu a ordem de prisão, determino o recambiamento imediato, sendo o detento apresentado à autoridade judiciária competente da comarca e da capital Cuiabá-MT, para que seja realizada a audiência de custódia, dentro do prazo de vinte e quatro horas”, diz o trecho da decisão.

Dessa forma, Silvio terá uma audiência de custódia na Capital do Mato Grosso. A audiência de apresentação será conduzida pelo juiz do Nipo, que o encaminhará a uma unidade prisional do Estado.

 

 

Fonte: Informações/ Olhardireto