Mendes reconhece a força de Bolsonaro, mas pondera que a população decidirá “o que é melhor para Cuiabá”

0
513
Foto: Olhar Direto
CAMARA VG

O governador Mauro Mendes (União) reconheceu a ligação que o ex-presidente Jair Bolsonaro estabeleceu com uma grande parcela da população, que vai muito além do período de quatro anos no Palácio do Planalto, o que explica a recepção calorosa que recebeu de apoiadores, fãs e lideranças na sua chegada a Cuiabá, nesta segunda-feira (8) Mendes disse que Bolsonaro é uma liderança relevante, mas que sua visita à capital não terá um impacto direto nas candidaturas que ele vem apoiando, cabendo aos eleitores decidirem qual a melhor liderança para tirar a capital do caos e caos que ela enfrenta atualmente.

Essas conexões são difíceis de serem explicadas ou compreendidas. Ela pode permanecer até que haja uma mudança de percepção ou se crie uma nova ligação com outro líder. É histórico, é milenar que o ser humano, o instinto animal, sempre procura em um líder o que deseja para si, para a sociedade e para o mundo em que vive. “O Bolsonaro representa isso muito bem para uma boa parcela da população”, disse Mendes.

Bolsonaro desembarcou na capital para cumprir uma extensa agenda de apoio às três pre-candidaturas do PL às prefeituras. Ele apoiará Abílio Júnior em Cuiabá, Flavia Moretti e Cláudio Ferreira em Rondonópolis.

Mauro, contudo, disse que não participará do ato do ex-presidente Jair Bolsonaro, uma vez que ambos estão em lados opostos na disputa pela Prefeitura da capital. Mendes é o presidente estadual do União Brasil e o candidato à presidência da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) é Eduardo Botelho. Bolsonaro, por sua vez, apoia Abilio Junior (PL)

Mauro foi questionado pelo Olhar Direto se a vinda de Jair pode influenciar as pesquisas eleitorais, sobretudo em favor do PL. Ele reconheceu que é uma liderança bastante expressiva, mas disse que cabe aos eleitores escolherem o melhor candidato para tirar Cuiabá do buraco e do caos que se encontra atualmente.

A população irá escolher o candidato mais adequado para a remoção de Cuiabá do buraco e do caos que se encontra atualmente. “Os que têm a maior experiência, as melhores condições para prestar esse serviço, para resgatar Cuiabá”, concluiu.

 

 

Fonte: Informações/ Olhardireto