Cuiabá soma o primeiro ponto contra o Vitória, mas mantém o pior começo da história do Brasileirão

0
185
Foto: AssCom Dourado
ALMT TRANSPARENCIA

Cuiabá e Vitória fizeram um jogo truncado e faltoso nesta quarta-feira (5), na Arena Pantanal, valendo um fôlego contra a degola. O empate sem gols e mais de 30 faltas fixou no Dourado a pior marca nas primeiras rodadas do Brasileirão, desde o início da era dos pontos corridos, em 2003: são seis jogos, zero vitórias e nenhum gol marcado. Mesmo somando hoje o seu primeiro ponto, o Auriverde continua na última posição, uma abaixo do Leão, que está em 19º com dois pontos.

Primeiro tempo

O jogo foi truncado, e disputado pelo meio, com 16 faltas e 4 amarelos, mas apenas duas grandes chances. Nos primeiros 15 minutos, três cartões amarelos, dois para o Leão e um para o Dourado.

Clayson teve boa oportunidade aos 7, quando em lance de falta perigosa, bateu colocado e a bola passou raspando a trave de Lucas Arcanjo.

Aos 34, belo contragolpe do Vitória quase terminou em gol. Matheusinho começou a jogada pela direita e tocou para Alerrandro, que invadiu a área. Ele enxergou Caio Vinicius no segundo pau, livre de marcação. Sozinho e com espaço, chutou pra fora. Inacreditável.

A resposta veio na sequência, com Pitta. O paraguaio recebeu na entrada da área e, no mano a mano contra Camatunga, levou a melhor. Ele puxou pra esquerda e chutou colocado, firme, mas a bola explodiu no travessão de Lucas Arcanjo.

Segundo tempo

O jogo voltou brigado e disputado pelo meio, com as duas esquadras duelando para ver qual delas somava mais faltas.

Aos 9, Alerrandro tabelou com Matheusinho na entrada da área e chutou forte, por cima. A bola passou com muito perigo.

De costas para a marcação, Pitta viu Max na ultrapassagem e eu passe “ninja” para o camisa 10, que invadiu a área pela esquerda e fuzilou. Por pouco não acertou a bomba no ângulo de Arcanjo.

Cafú entrou na etapa final e chamou a responsabilidade aos 37, quando aproveitou sobra de cruzamento rasteiro pro meio da área. Com espaço, passou por dois marcadores e chutou com muito perito, raspando a meta adversária. Foi a melhor chance até então.

Como fica?

Apesar de ainda ter um jogo a menos que a maioria dos adversários por conta do calendário de outras competições, o resultado de hoje fixou no Cuiabá o pior começo de toda a história do Brasileirão, desde os pontos corridos: seis jogos, cinco derrotas, nenhum gol marcado e apenas um ponto. Até o quinto duelo, o time não havia feito um ponto sequer.

Com o empate sem gols hoje, pelo menos, somou seu primeiro ponto, mas ainda amarga a última posição da tabela, com saldo negativo de -11 gols. O próximo compromisso será no domingo (9), contra o Criciúma, também em duelo retroativo.

O Leão também não vive boa fase. A última vitória foi em abril, contra o Bahia. Com o empate de hoje, continuou em penúltimo com apenas dois pontos. O próximo compromisso será na terça (11), contra o Juventude.

Fonte: Informações/ Olhardireto