Em vídeo, deputado ri e sugere levar dinheiro dentro da meia

0
262
Reprodução
CAMARA VG

Midia News

O deputado estadual José Domingos Fraga (PSD) e o ex-deputado estadual e atual federal Ezequiel Fonseca (PP) foram flagrados, em vídeo, recebendo maços de dinheiro no gabinete do ex-assessor do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), Silvio Araújo.

No vídeo, Ezequiel chega a sugerir para ele o colega levarem o dinheiro “na meia”, mas, ao final, eles guardam os maços dentro de uma caixa de papelão. O vídeo foi divulgado pelo site O Independente, que pertence à família do peemedebista.

A gravação faz parte da delação premiada de Silval à Procuradoria Geral da República (PGR), homologada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF). Silval teria entregado pelo menos 10 vídeos de deputados recebendo os valores.

De acordo com o ex-governador, desde a gestão do ex-governador e atual ministro da Agricultura, Blairo Maggi (PP), a maioria dos deputados estaduais recebe propina mensal para apoiar os projetos do Governo. De R$ 30 mil, a propina teria subido para R$ 50 mil por mês na gestão dele.

No vídeo, Ezequiel e José Domingos aparecem sentados no gabinete, à espera do dinheiro. Silvio Araújo sugere que o dinheiro seja colocado dentro de uma mochila.

Ezequiel: "Não vai de cheque?".

Zé Domingos: "Põe os dois juntos, a gente sai os dois juntos. Quer dar confiança, sai os dois. Saindo de mochila acho melhor lá no carro".

Em seguida, Ezequiel dá uma sugestão bastante curiosa para levar os maços de dinheiro.

Ezequiel Fonseca: "Põe na meia. Melhor do que sair com essa mochila aí".

Zé Domingos: "Ah, mas aí eu não vou sair sem um segurança".

Ezequiel: "Então o que que faz?".

Zé Domingos se levanta e aponta para uma caixa de papelão que estava no gabinete e que, segundo ele, só tinha “porcaria” dentro.

Zé Domingos: “Põe o meu e o do Ezequiel aqui dentro, né não Ezequiel?”, disse ele, gerando risadas do trio.

Silvio então passa a fazer a contagem dos maços de dinheiro. Zé Domingos acomoda o dinheiro na caixa de papelão e confere o montante. Este trecho está parcialmente inaudível, mas, aparentemente, foram entregues R$ 50 mil para cada deputado.

Ezequiel também brincou com o fato de os maços serem de notas altas.

Ezequiel: "Tá louco, arrumar um dinheiro mais trocado aí bicho".

Silvio: "Não tenho Ezequiel, não tenho".

Silvio ainda contou aos parlamentares que estava entregando o dinheiro em três lugares ao longo do dia e lista os deputados que ainda precisa fazer os repasses.

Ezequiel: "Quem está faltando?".

Silvio: "Só uns três mesmo".

Ezequiel: "O Wagner [Ramos] já pegou?".

Silvio: "O Wagner já pegou, falta só o Sebastião [Rezende], o Baiano [Filho] e o [Airton] Português vou entregar pra ele amanhã".

Outro lado

Em nota, o deputado federal Ezequiel Fonseca negou ter recebido propina e disse que as imagens foram deturpadas.

Veja a íntegra da nota:

 

"Quero manifestar publicamente que em razão das notícias veiculadas recentemente envolvendo meu nome em colaboração premiada, que tem como intenção revelar fatos ocorridos na gestão passada do Governo de Mato Grosso, quero deixar claro que:

1-Felizmente, sempre tive uma vida pública digna e ilibada o suficiente para ganhar a confiança dos que confiam no meu trabalho;

2-Não entrei no mundo da política para participar de esquemas fraudulentos para enriquecer-me, tal como se propuseram os criminosos confessos, agora ditos colaboradores da justiça;

3- Continuo a ser um homem simples e que com muita alegria trabalha dia e noite, aos finais de semana e feriados, muitas vezes me ausentando do seio da minha família em prol do trabalho digno e honesto;

4- Contesto a informação de que na condição de deputado estadual, eu e outros cobrávamos vultosas quantias em troca da defesa do governo. Deixo claro que
nunca solicitei qualquer quantia ilícita de quem quer que seja em troca da minha atuação no parlamento, tão pouco me foi entregue dinheiro para esse fim. As próprias imagens veiculadas pela imprensa, mesmo editadas, demonstram isso;

5- Minhas posições, erradas ou certas, como pessoa pública, sempre foram pautadas pela justiça como é próprio de um homem simples e trabalhador. Não vou me manifestar pelos poucos minutos de vídeo veiculados, editados, com imagens deturpadas.

 6- Quanto às opiniões  de ataques à minha imagem pública, respeito, mas repudio. Acredito na justiça séria e ela será consolidada na medida da apuração dos fatos, com a abertura do inquérito será o momento na qual vou apresentar minha defesa. A verdade prevalecerá!"
 

Ezequiel Fonseca

 

Veja a íntegra do vídeo: 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here