Estudante de Psicologia em Rondonópolis morre no show de Taylor Swift após passar mal por conta do calor

0
28
Foto: Reprodução
ALMT TRANSPARENCIA

A estudante do curso de Psicologia da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR),  ​Ana Benevides, de 23 anos, é a fã da cantora Taylor Swift que  morreu após passar mal por conta do forte calor. Ela estava no público para acompanhar o show da artista, na noite desta sexta-feira (17), no estádio Nilton Santos, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Atendida ainda no Engenhão, ela chegou a ser reanimada no estádio por cerca de 40 minutos. No caminho do Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, ela teve uma segunda parada. A causa da morte de Ana Clara foi uma parada cardiorrespiratória.

Ao GLOBO, um amigo da vítima relatou que ela passou mal no início da apresentação, no momento em que a primeira música era executada no palco. Nas redes sociais, diversas pessoas que estavam no local reclamaram da proibição da entrada no local do show sem garrafas d’água, por conta de restrições impostas pela segurança no local.

Nascida em Sonora, Mato Grosso do Sul, a jovem costumava compartilhar momentos em festas e shows e com a família em suas redes sociais.

A morte ocorreu em um dia de muito calor na capital fluminense. A estação meteorológica do Sistema Alerta Rio, da prefeitura do Rio, registrou em Guaratiba, na Zona Oeste, a maior sensação térmica desde 2014, quando foi iniciada a marcação. No local, a sensação de calor chegou aos 59,3 graus, às 10h20, desta sexta

Fonte: Olhar Direto

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here