Os órgãos de proteção ao meio ambiente deflagraram uma operação para apurar o descarte ilegal nas margens do Rio Cuiabá

0
121
Foto: Reprodução
ALMT TRANSPARENCIA

A Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema) e a Polícia Militar Ambiental (Politec) deram início à Operação Clean River (Rio Limpo) para apurar denúncias de descarte ilegal de lixo às margens do Rio Cuiabá.

A delegada titular da Dema, Liliane Murata, iniciou as investigações após receber denúncias e vídeos de descarte de para-brisas nas margens do rio, o que causou grande reprovação na sociedade.

Durante o trabalho, foram realizadas diligências aprofundadas, que resultaram em relatórios investigativos da Polícia Civil, laudos técnicos da Politec e da Sema, além de apoio da Polícia Militar Ambiental, o que auxiliou na identificação da autoria e da materialidade do delito.

A análise técnica e a análise técnica dos relatórios investigativos da Polícia Civil revelaram os possíveis responsáveis pelo dano ambiental. Os suspeitos foram notificados para comparecer à unidade policial para prestar os devidos esclarecimentos às autoridades competentes.

A união entre a Polícia Civil, a Sema, a Polícia Militar Ambiental e a Politec tem como objetivo proteger o meio ambiente. O trabalho de investigação forneceu esclarecimentos aos autos e, a partir deles, serão aplicadas as severas sanções legais necessárias para o caso.

 

 

Fonte: Informações/ PJC-MT