Acusada de roubo a drogaria é executada a tiros em bairro de Cuiabá

0
714
Foto: Ilustração
ALMT TRANSPARENCIA

Olhar Direto

Dakynes Pereira de Souza, 44 anos, foi executada com pelo menos um disparo de arma de fogo na tarde do último domingo (03), no bairro Novo Horizonte, em Cuiabá. Testemunhas ouviram entre um e dois disparos e acionaram a PM, que encontrou a vítima caída. O resgate chegou a ser acionado, mas a mulher já estava morta. Não há informações sobre o suspeito.

 
Segundo as informações do boletim de ocorrências (BO), populares informaram que por volta das 16h30 ouviram entre um e dois disparos de arma de fogo e acionaram a polícia. Quando a viatura chegou, encontrou a mulher de 44 anos caída ao solo e com muito sangue próximo dela.
 
Uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas o médico apenas constatou o óbito. As testemunhas não souberam informar quem seria o suspeito ou o que teria motivado o homicídio.
 
A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada e realizou os trabalhos no local. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para exames de necropsia. O caso é investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Consta no Tribunal de Justiça (TJ) que a vítima tem passagens por roubo e receptação. No primeiro, ela teria assaltado uma drogaria (em março de 2014), mediante violência exercida com tapas, chutes e socos e grave ameaça exercida com simulação de uso de arma de fogo. Na ocasião, ela levou R$ 342,00 da empresa, dois celulares, a chave de um veículo, uma carteira contendo R$ 11,00 e outra com R$ 320, além de um relógio.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here