Wagner Ramos aparece em vídeo negociando valor de propina com filho de Silval

0
1283
Foto: Reprodução
CAMARA VG

Olhar Direto

O deputado estadual Wagner Ramos (PSD) aparece negociando valor de propina com Rodrigo Barbosa, filho do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), para os membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Copa do Mundo, Oscar Bezerra (PSB), Silvano Amaral (PMDB), Mauro Savi (PSB) e Dilmar Dal’Bosco (DEM).

A gravação ocorre no escritório de Rodrigo e foi divulgada pelo jornal Estado de São Paulo, o “Estadão”. De acordo com a delação premiada de Silval Barbosa, já homologada no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo ministro Luiz Fux, o pagamento serviria para os deputados “aliviarem” para o ex-governador nas investigações.

Em determinado momento Rodrigo afirma que consideraria um valor menor que R$ 10 milhões. Conforme a delação, em outra reunião eles teriam fechado acordo em R$ 7 milhões, mas posteriormente o acordo foi cancelado. Ao fim, a CPI indicou um desvio de mais de R$ 500 milhões nas obras da Copa do Mundo.

Em outro momento da delação, Silval Barbosa afirma ter sido procurado pelo deputado Oscar Bezerra (PSB), que presidiu os trabalhos da CPI, também para negociar valores de propina. Nesse caso, Silval teria feito um pagamento de R$ 200 mil, mas foi preso antes de continuar a quitar o acordo.

Confira abaixo trechos do dialogo de Wagner Ramos e Rodrigo Barbosa e veja o vídeo na íntegra:

Rodrigo Barbosa: Não tem como. Três vezes aí, cheque. Não tenho isso não.

Wagner Ramos: Cada um é 500. Agora eu não sei. Tem que vê aí.

Rodrigo Barbosa: Aqui já é uma outra coisa. Bem em conta isso aqui […] O que eu vou considerar agora é dez milhões.

Em seguida, Rodrigo Barbosa pergunta quem receberia o dinheiro.

Wagner Ramos: “Silvano [Amaral], Mauro [Savi], eu, Dilmar [Dalbosco], Silvano”, disse o deputado, repetindo o nome de um deputado.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here