“Não tratarei desse assunto mandando recado”, afirma Mendes

0
12
Foto: Mayke Toscano/Secom-MT
CAMARA VG
ALMT
BANNER BAÇANCO CAMARA VG

Presidente do União Brasil Mato Grosso, o governador Mauro Mendes afirmou, nesta segunda-feira (27), que não tratará sobre a eventual liberação do deputado Eduardo Botelho do União Brasil por meio da imprensa.

Segundo Mendes, os dois se reuniram por duas vezes na semana passada para tratar a respeito da pré-candidatura do Botelho à prefeitura de Cuiabá em 2024.

“Conversamos sobre isso, sim. Mas a conversa é entre eu o Botelho e as pessoas que estiveram na reunião. Eu não vou tratar sobre esse assunto pela imprensa. Não tratarei desse assunto mandando recado para ele, ou recebendo recado”, disse.

“Política se faz olho a olho, corpo a corpo, com argumentos que podem ser colocados a mesa”, completou.

Botelho disputa internamente com o chefe da Casa Civil, Fábio Garcia, quem será o candidato da sigla na disputa. Ocorre que Mendes já um anunciou que tem um “acordo” com Fábio para o pleito.

Mendes explicou que ainda não definiu uma data para resolver o imbróglio de Botelho, que já planeja sua ida ao PSD, do ministro Carlos Fávaro.

“É ele que tem que dizer se vai sair ou não, não sou eu”, disse o governador sobre a eventual saída de Botelho do União.

O governador esta de viagem marcada para quinta-feira (30) para Dubai, onde participará da COP 28, a 28ª Conferência de Mudanças Climáticas da Organização das Nações (ONU).

Botelho tem anunciado a imprensa que gostaria que sua permanência – ou não – na sigla ocorra até dezembro.

 

 

Fonte: MidiaNews

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here